terça-feira, 23 de outubro de 2007

HISTÓRIA DE PORTUGAL

(Estação de S. Bento, perto da rua 31 de janeiro)

“UMA INTRODUÇÃO À HISTÓRIA MODERNA DE PORTUGAL"

"Um povo que fez o que nós fizemos tem o direito moral de continuar a .existir"...


Miguel Torga, 3 de Abril de 1967

«Viva a República!» gritaram alguns deputados, ao saírem da sala do Congresso da Primeira República. A data era 31 de Maio de 1926 e estava a acabar a primeira experiência democrática de Portugal.

Dera-se um golpe militar sem efusão de sangue e os jovens soldados ocupavam a ruas de Lisboa.. O regime parlamentar mais instável da EUROPA ocidental tinha finalmente caído e um superlativo gerara outro; o sistema parlamentar mais desregrado da Europa tinha dado `a luz o sistema autoritário mais longo da Europa,

Este quebra-cabeças histórico, que foi o longo passado de Portugal, merece ser explicado. Portugal é um país que recusou morrer, mas, no entanto, a sua existência tem sido sempre precária. Há escritores que dizem que os Portugueses são um povo de paradoxos, com tendência para o auto - rebaixamento combinado inocentemente com o auto-engrandecimento. A Nacionalidade portuguesa é uma das mais antigas da Europa, mas, no entanto os seus chefes e os pensadores, mais de uma vez se têm sentido desesperados. Porque razão existe este pequeno pais?....


Favor comentar o texto.

João Brito Sousa

Sem comentários:

Publicar um comentário