quinta-feira, 5 de maio de 2011

DA IMPRENSA / JORNAL A BOLA

DA IMPRENSA

Jornal”A BOLA”


1 - FC Porto vai processar jornal «Marca»
Por Vítor Queirós
Antes do início da conferência de imprensa de antevisão ao jogo das meias-finais da Liga Europa, o director de comunicação do FC Porto, Rui Cerqueira, revelou que o emblema portista irá processar o jornal espanhol «Marca» e o jornalista responsável pela notícia de hoje sobre a equipa portuguesa.O director de comunicação confirmou ainda que não vão falar mais sobre esta situação enquanto decorrer o processo.O jornal espanhol anunciou, esta quarta-feira, que dirigentes do FC Porto terão jantado com o árbitro Bjorn Kuipers após a vitória do FC Porto sobre o Villarreal, por 5-1.Esta notícia prejudica a imagem do clube português e os responsáveis do FC Porto querem a situação esclarecida.
18:13 - 04-05-2011


2 - FC Porto desmente jantar com o árbitro em comunicado
Por Redacção
O FC Porto emitiu há momentos um comunicado oficial relativamente às notícias que dão conta de um suposto jantar entre os dirigentes portistas e o árbitro Bjorn Kuipers, após o jogo com o Villarreal, a contar para a primeira mão das meias-finais da Liga Europa. Leia o documento emitido no site oficial dos dragões:«A Administração da Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD desmente em absoluto que algum dos seus dirigentes ou funcionários tenha jantado com o árbitro Bjorn Kuipers, após o jogo com o Villarreal, a contar para a primeira mão das meias-finais da Liga Europa.
Como acontece nestas circunstâncias, a Federação Portuguesa de Futebol nomeou o sr. António Garrido para acompanhar a equipa de arbitragem, tendo o mesmo levado os árbitros a jantar após o jogo.
A Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD não vai alimentar polémicas e reserva-se o direito de tomar as medidas que entender para defender o seu bom nome.»

3 - «Jantar não corresponde minimamente à verdade», garante Pinto da Costa
Por Redacção
O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, que seguiu há momentos com a restante comitiva portista para Espanha, comentou as notícias recentes da imprensa espanhola que dão conta de um suposto jantar em Matosinhos com o árbitro holandês Bjorn Kuipers após o triunfo dos dragões sobre os espanhóis do Villarreal (5-1), na primeira mão das meias-finais da Liga Europa
. O líder dos campeões nacionais nega de forma peremptória qualquer encontro com o juiz holandês.
«Os árbitros andaram sempre com os delegados e nenhum director esteve com eles. Não corresponde à verdade. Se não é verdade é porque é mentira. Se isto é uma forma pressão? Se é acho ridículo!».
O jornal recorda que a UEFA proíbe qualquer acompanhamento dos clubs aos árbitros durante as estadas destes para apitar jogos, dando conta de que o juiz holandês assinalou um penálti contra o Villarreal (quando o jogo estava 1-1) e que o 4-1 foi conseguido através de um fora-de-jogo.
09:54 - 04-05-2011


COMENTÁRRIO

É preciso que o proceso chegye ao fim.

JBS

Sem comentários:

Publicar um comentário